estado-promove-encontros-sobre-patrimonio-cultural-em-paranavai-e-umuarama

Estado promove encontros sobre patrimônio cultural em Paranavaí e Umuarama

Secretários, dirigentes e gestores públicos municipais de Cultura do Núcleo Regional de Cultura da Macrorregião Noroeste irão participar em maio de um encontro nos municípios de Paranavaí (23/05) e Umuarama (24/05) com a temática da Memória e do Patrimônio Cultural do Paraná. Os dois dias de evento se dão em razão do número de municípios (114) que a macrorregião possui. No total, são aguardadas 120 pessoas.

O objetivo é mostrar a legislação estadual dos museus e do patrimônio histórico, a Cartilha de Orientação do Patrimônio e orientar sobre os procedimentos para criação de museus municipais. Para isso, serão feitas apresentações sobre políticas públicas que visam salvaguardar os conjuntos históricos, planejamento dessas políticas, projetos para preservação da memória do Estado e as diretrizes que são desenvolvidas de forma coletiva com os agentes culturais e a sociedade civil.

“A importância desse encontro está relacionada com o fortalecimento das políticas públicas do setor cultural e especificamente da área de memória e patrimônio. A nossa expectativa é desmistificar o tombamento e promover o sistema estadual dos museus”, explica Vinicio Costa Bruni, diretor de Memória e Patrimônio Cultural, da Secretaria estadual da Cultura.

HISTÓRIA – A história do preservacionismo no Estado do Paraná remonta às primeiras décadas do século XX, quando foi criado o Conselho Superior de Defesa do Patrimônio Cultural, pela Lei Estadual n.º 38, de 31 de agosto de 1935. O principal objetivo do conselho era colaborar na defesa do Patrimônio Cultural do Paraná e estimular toda atividade intelectual e artística no Estado. Por esse motivo, o Paraná é considerado o primeiro estado a tratar desse assunto.

Em 1948, foi criada a Divisão do Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural do Paraná a qual, mais tarde, tornou-se a atual Coordenação do Patrimônio Cultural. Passados alguns anos, em 1953, foi criada e sancionada pelo governador Bento Munhoz da Rocha Neto a Lei Estadual 1.211, Lei de Tombamento.

Serviço:

Paranavaí

Data: 23/05 (quinta-feira)

Horário: 9h às 12h e das 13h30 às 16h

Público-alvo: municípios da região da Amunpar (Paranavaí) e Amusep (Maringá)

Nº de municípios: 58

Local: Fundação Cultural de Paranavaí – Casa da Cultura Carlos Drummond de Andrade

Umuarama

Data: 24/05 (sexta-feira)

Horário: 9h às 12h e das 13h30 às 16h

Público-alvo: municípios da região da Amenorte (Cianorte), Amerios (Umuarama) e Comcam (Campo Mourão)

Nº de municípios: 56

Local: Fundação Cultural de Umuarama – Centro Cultural Vera Schubert

Fonte: AEN

Veja Também.

Rolar para cima