Relembre a carreira de O.J. Simpson, morto aos 76 anos

Morreu nesta quarta-feira (10), aos 76 anos, o ex-jogador de futebol americano O.J. Simpson, vítima de câncer. A informação da morte foi anunciada pela família nas redes sociais.

Revelado pela Universidade do Sul da Califórnia, Orenthal James Simpson conquistou em 1968 o Heysman Trophy, prêmio entregue ao melhor jogador da temporada do futebol americano universitário nos Estados Unidos.

Escolhido pelo Buffalo Bills como primeira opção no draft, ele estreou na NFL em 1969 e jogou pela franquia até 1977. Depois dos Bills, o atleta disputou duas temporadas pelo San Francisco 49ers antes de se aposentar, em 1979.

Ao todo, o running back somou 11.236 jardas corridas, 2.142 jardas aéreas e 990 jardas de retorno em 135 partidas na NFL. Ele também anotou 76 touchdowns e foi seis vezes escolhido para o Pro Bowl, o jogo das estrelas da liga.

Apesar da carreira de sucesso, O.J. Simpson nunca disputou um Super Bowl. Eleito MVP da temporada em 1973, o jogador entrou para o Hall da Fama da NFL em 1985.

O julgamento

Em 1994, Simpson respondeu a um processo por duplo homicídio no estado da Califórnia sob acusação de matar a facadas a ex-mulher e um amigo dela.

Simpson se declarou “100% inocente” e montou uma equipe de advogados locais e nacionais famosos. Ele acabou sendo absolvido em 1995, mas dois anos depois perdeu um julgamento civil. Ele foi condenado a pagar US$ 33,5 milhões por danos.

Simpson estava em liberdade condicional após ser libertado da prisão em 2017 por um sequestro e assalto à mão armada em 2007. Sua liberdade condicional estava programada para terminar em 9 de fevereiro, mas o ex-atleta foi beneficiado com uma dispensa da liberdade condicional antecipada.

Em julho de 2017, o conselho de liberdade condicional votou por unanimidade para libertar Simpson depois que ele cumpriu cerca de nove anos de uma sentença de 33 anos. Ele foi solto em outubro daquele ano.

Durante o assalto em 2007, ele fazia parte de um grupo que invadiu um hotel e cassino para roubar objetos esportivos sob a mira de uma arma. Simpson disse que os itens pertenciam a ele.

Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas

Veja Também.

Rolar para cima